Busca
Menu
Você está em:

// Cursos

Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana

Um dos desafios à implementação da Rede Nacional de Atenção Integral à Saúde do Trabalhador (Renast) é a educação permanente dos profissionais e a construção de ações de saúde do trabalhador no SUS. Para tanto, foi construído o Curso de Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana, uma parceria da Coordenação da Área Técnica de Saúde do Trabalhador (COSAT), do Ministério da Saúde, com a Educação a Distância (EAD) e o Centro de Estudos da Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana (Cesteh), da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca da Fundação Oswaldo Cruz (ENSP/Fiocruz). Trata-se de um curso de pós-graduação lato sensu que objetiva capacitar profissionais de saúde para atuarem na Renast, sendo desenvolvido a distância, com momentos presenciais.

O material didático apresenta um fundo vermelho cereja, com imagem de grafite em mostarda, na qual podemos identificar um trabalhador rural carregando o que parece ser produto agrícola sobre a cabeça.

  • Caderno do Aluno: visa apoiar o aluno na compreensão da proposta do curso e no modelo pedagógico adotado, ofertar-lhe um pouco da história da nossa instituição e orientá-lo na organização do seu tempo para os estudos. O caderno também irá auxiliar o aluno na familiarização com o ambiente mediador do processo de ensino–aprendizagem a distância e o ambiente virtual de aprendizagem.
  • Livro-texto Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana: é o material de estudo e organiza os conteúdos previstos na proposta curricular. Ele propicia uma dinâmica para o estudo, por meio de estratégias pedagógicas como reflexões e pesquisas que estimulam o aluno a realizar uma análise crítica da realidade, a contextualizar suas práticas e a articular teoria e prática, com base na reflexão sobre elas e nos subsídios teóricos estudados.
  • CD-ROM: que contém o material completo do curso, além de uma biblioteca multimídia com vídeos, documentos, artigos etc., visando enriquecer a atuação em sua prática cotidiana.

Técnica de Marcação
Políticas, Gestão e Atenção em Saúde Promoção da Saúde e Desenvolvimento Social Vigilâncias em Saúde

A carga horária total do curso é de 478 (quatrocentas e setenta e oito) horas distribuídas em 18 (dezoito) meses, sendo 374 (trezentas e setenta e quatro) horas realizadas a distância e 104 (cento e quatro) horas presenciais.

29/10 a 18/12/2015.

A seleção dos candidatos se dará pela análise da documentação por uma Comissão de Seleção constituída por membros da coordenação do curso, da EAD e de professores convidados, a partir de listagem encaminhada pelo secretário de saúde do estado ou município demandante, não cabendo recursos. Os estados e municípios poderão estabelecer outros critérios para indicação dos candidatos, além dos estabelecidos na chamada para inscrição e seleção, observando os termos do referido documento.

  • Incorporando a Saúde do Trabalhador na Construção das Políticas Públicas Nacionais
  • Relações de Produção, Consumo, Saúde e Ambiente
  • Introdução à Produção do Conhecimento em Saúde do Trabalhador
  • Atenção Integral à Saúde do Trabalhador
  • Gestão da Atenção Integral à Saúde do Trabalhador
  • Educação, Comunicação e Controle Social em Saúde do Trabalhador

Objetivos

Qualificar profissionais do SUS para incorporar as relações entre produção, ambiente e saúde às práticas de saúde, de modo a solucionar problemas concretos, considerando o trabalho como determinante do processo saúde-doença e da degradação ambiental.


Público-alvo

Profissionais que atuam nos Centros de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest); profissionais e gestores vinculados às vigilâncias epidemiológica, sanitária e ambiental; profissionais vinculados a serviços indicados como serviços sentinela em saúde do trabalhador, definidos na Portaria GM/MS 2437 de 7 de dezembro de 2005; profissionais e gestores vinculados à atenção básica, com ênfase no Programa de Saúde da Família (PSF); profissionais vinculados aos setores de planejamento, avaliação e controle do SUS; profissionais e coordenadores dos polos de educação permanente, vinculados às instâncias de formação do SUS local; profissionais e gestores vinculados ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU); representantes das Comissões Intersetoriais de Saúde do Trabalhador de Conselhos (Nacional, Estaduais e Municipais) de Saúde (CISTs) e Conselhos Locais de Saúde dos Cerest ("Conselhos Gestores"); profissionais vinculados aos municípios com maior capacidade instalada do SUS ou com presença de riscos relacionados aos processos produtivos locais lesivos à saúde dos trabalhadores e ao meio ambiente; professores das universidades públicas locais que integram áreas que possuam interface com a saúde do trabalhador e meio ambiente; profissionais que atuam na área de inspeção do trabalho do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e perícia médica do INSS.



Requisitos básicos

Ter o nome incluído em lista de candidatos, encaminhada pelo estado ou município que contratar o curso junto à ENSP e enviada, respectivamente, pelo secretário estadual ou municipal de saúde à coordenação do curso; apresentar todos os documentos indicados na chamada para inscrição e seleção de candidatos e preencher a ficha de inscrição disponível no site do curso.


Avaliação

O aluno é avaliado por meio das atividades propostas nas unidades de aprendizagem; da participação nos encontros presenciais e do seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). Para ser certificado no curso, ele deverá ter frequência integral nos momentos presenciais; realizar a defesa presencial do TCC; entregar o TCC em forma impressa até 90 dias após sua defesa; obter conceitos finais A, B ou C em cada unidade de aprendizagem e também no TCC.


Seleção

29/10/2015.


Certificação

Os concluintes do curso recebem o certificado de Pós-Graduação Lato Sensu em nível de Especialização em Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana, expedido pela Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca da Fundação Oswaldo Cruz. A ENSP/Fiocruz é credenciada pelo Ministério da Educação para ofertar cursos de pós-graduação lato sensu nas modalidades presencial e a distância.


Técnica de Marcação
RODAPE
Onde Estamos Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca
Rua Leopoldo Bulhões, 1480
Prédio Prof. Joaquim Alberto Cardoso de Melo
Manguinhos – Rio de Janeiro – RJ CEP: 21041-21
Texto de marcação
  • Coordenação da EAD : Tel. (21) 2598-2996
  • Serviço de Gestão Acadêmica e Qualificação Profissional - SECA Lato E-mail: secalato@ensp.fiocruz.br
  • Processo Seletivo (candidatos aos cursos e público em geral) E-mail: pseletivo@ead.fiocruz.br. Tel: (21) 2598-2951
  • Acompanhamento (alunos dos cursos na modalidade EAD) - E-mail: acompanhamento@ead.fiocruz.br - Tel: (21) 2598-2484
  • Certificação (egressos na modalidade EAD) - E-mail: certificacao@ensp.fiocruz.br - Tel. (21) 2598-2727.
CRÉDITOS
COPYRIGHT © 2017 ENSP/FIOCRUZ.